Photo Photo Photo Photo Photo

Quem não é visto, não é lembrado

Essa frase cabe muito bem no ambiente de trabalho. Quer ser efetivado? Mostre comprometimento e dedicação.
Quer ser promovido? Mostre que consegue superar barreiras e que é muito bom no que faz.
Quer reconhecimento no trabalho? Mostre que seu trabalho é superior ao esperado.
Mostre, mostre, mostre... sempre mantendo a harmonia entre colegas e deixando a arrogância de lado, é importante sim mostrar que seu trabalho faz a diferença na organização e que você é peça fundamental para o sucesso da empresa.
Isso chama-se Marketing Pessoal. E como arrumar tempo para se dedicar ao seu próprio Marketing?

 

O marketing pessoal tem se mostrado cada vez mais importante para os profissionais de todas as áreas. Afinal, quem não é visto, não é lembrado.

“Aprender a trabalhar a sua imagem não é uma tarefa difícil, porém vai exigir disciplina e organização. Talvez você tenha que mudar alguns hábitos antigos e inserir novas atividades em seu planejamento diário”, acredita Christian Barbosa, especialista em administração de tempo e produtividade.

Para ajudar com isso, o consultor dá cinco dicas para auxiliar no processo de quem quer se promover entre os amigos e no ambiente de trabalho.

Confira:

1 – Por qual motivo você quer ser lembrado?
Desenvolver uma marca pessoal começa por definir a sua meta de trabalho. Infelizmente, não dá para ser bom em tudo, você pode conhecer muitas coisas, mas precisa ser bom de verdade em apenas uma delas. Isso exige foco, o que é difícil. Profissionais que não têm foco, não constroem uma marca pessoal, pois a mensagem é divergente.

2 – Crie um KBASE pessoal
Ao longo do seu dia você vai esbarrar em uma série de conteúdos (digitais ou físicos) sobre o assunto que você quer focar. Talvez você não o utilize neste momento, mas ele pode ser muito útil no futuro. A sugestão é criar uma pasta (física ou digital) chamada KBASE (de knowledge base ou base de conhecimento) e deixar tudo arquivado em categorias bem definidas. Essa gestão de conhecimento pessoal auxilia bastante no momento em que você for preparar uma apresentação, um artigo ou para uma simples consulta de conteúdo. Organização economiza tempo no futuro e ajuda a gerar conteúdo.

3 – Escreva sobre o tema
A construção de uma marca começa com a propagação dela e, atualmente, a Internet é o melhor caminho. Você pode começar com um blog, nele você vai escrever artigos e opiniões sobre o seu tema, discutir assuntos pertinentes ou simplesmente republicar estudos ou pesquisas. Quanto mais conteúdo e atualizado, mais destaque você terá. Pode ser uma ação demorada, mas acontece. Basta ter tempo e disposição para escrever.

4 – Divulgue o seu trabalho
A pessoa que procura formas de se destacar precisa divulgar as suas ideias. Se você não é bom escrevendo, faça podcasts, palestras em vídeo ou algo do tipo. É importante estar ciente de que se você não fizer nenhum tipo de divulgação, seu marketing não existe.

5 – Cuidado com o vestuário
Você não precisa gastar com roupas de marca, mas precisa estar de acordo com seu negócio. Se você for advogado, terno e gravata são essenciais. Se você for publicitário, uma roupa mais casual será bem aceita.